Google+ Followers

terça-feira, 19 de fevereiro de 2013

Arrependida

Eu tenho andado muito confusa nestas ultimas semanas, por causa do meu amigo. Num certo dia de aula, eu estava sentada sozinha no canto da sala e ele veio puxar papo comigo, e papo vai, papo vem e ele acabou se declarando para mim, falando que era apaixonado por mim desde quando era criança, más tinha vergonha de chegar perto de mim, visto que sempre eu estava acompanhada das minhas amigas, fiquei muito assustada na hora, abaixei a cabeça e parei de falar com ele naquele momento.
No dia seguinte novamente ele veio novamente falar sobre este assunto comigo, eu tentei cortar o papo na hora, más ele se ajoelhou e implorou para mim escutar tudo o que tinha para falar, e tive que ceder. Ele falou que gostaria muito ficar comigo, que espera por isso a bastante tempo, e que sonha um dia ter uma relação séria comigo, eu falei que somos amigos e que nosso namoro não teria futuro por causa da nossa família que com certeza seria contra por termos crescidos juntos como se fosse irmãos.
Sinceramente balancei naquele momento, pelo simples fato de ele ter guardado este sentimento consigo há tanto tempo e ter me esperado até hoje. Más tive que decidir entre ficar com ele e brigar com nossa família, ou me afastar dele e seguir minha vida como se nada tivesse acontecido, pensei bastante e acabei decidindo me afastar dele por uns tempos até que ele conseguisse me tirar do seu coração.
Passou dois anos deste acontecido e me encontro neste momento sozinha em meu apartamento, sem amigos, sem vida social, sem emprego, e extremamente arrependida por não ter dado uma chance ao meu amigo naquela época. Nunca mais avistei ele na rua, nos parques, no shopping, e sequer escuto o nome dele entre nossos familiares, ele sumiu do mapa literalmente.
Minha vida ficou tão sem sentindo deste aquele tempo, tão triste, tão melancólica, acabo não tendo mais vontade de comer, de viver. Não sei se viverei assim para sempre, espero que minha vida acabe logo, por que não agüento mais sofrer, más se fosse para mim dar um conselho para você mulher que lê este meu desabafo, diria para você dar sempre uma chance ao um homem romântico, que tenha guardado este sentimento consigo a bastante tempo, esse é um homem raro, eu desperdicei esta chance, más não gostaria de ver outra mulher errar assim como eu, então não desperdice, aproveite esta oportunidade, por que eu não aproveitei e vou acabar morrendo solitária e arrependida.

Nenhum comentário:

Postar um comentário